5 vantagens para os pais do controle eletrônico de frequência escolar

Provavelmente, você faz uma pesquisa e visita alguns colégios antes de matricular os seus filhos naquele que mais atende as suas necessidades. Ao optar por uma instituição de ensino que tenha controle eletrônico de frequência escolar, você está fazendo um grande investimento tanto para a sua comodidade quanto para a segurança do seu filho.

Se a tecnologia trabalha a favor dos pais, por que não usar esses serviços para acompanhar a frequência dos filhos e ficar por dentro de todo o andamento escolar das crianças e adolescentes?

No post de hoje, apresentamos 5 das grandes vantagens de escolher uma escola que conte com o sistema de catracas eletrônicas para benefício dos responsáveis e dos estudantes.

1. Tranquilidade ao saber que seu filho está na escola

Uma das maiores preocupações dos pais e responsáveis é o fato de não ter ideia se a criança ou adolescente está mesmo dentro da escola. Como não é possível estar com eles em tempo integral, o controle eletrônico de frequência escolar dá aos adultos a certeza de que eles estão lá.

Para saber que se o seu filho está indo à escola e se ele entrou na instituição de ensino, os pais ou responsáveis recebem uma mensagem de texto sempre que o estudante passar pela catraca, seja na entrada ou na saída. Essa funcionalidade agrada bastante os responsáveis que se sentem mais tranquilos.

2. Melhor acompanhamento da frequência do seu filho

Mesmo que os pais ou responsáveis confiem na criança ou no adolescente, é difícil saber como é o comportamento deles dentro da instituição, na presença dos amigos e colegas de classe. Quando estão juntos, muitos estudantes costumam matar aulas e nem mesmo entrar nas escolas.

Por meio do sistema de catracas e do controle eletrônico de frequência escolar, os adultos poderão acompanhar o comparecimento dos filhos no colégio, verificando, inclusive, um relatório periódico emitido online com os dias e com os horários que o aluno entrou na escola.

3. Maior segurança para os responsáveis e estudantes

Quem frequenta a escola do seu filho? Quais são as pessoas que têm acesso às dependências do colégio? Com quem as crianças e adolescentes têm contato enquanto estão estudando? Infelizmente, os responsáveis não têm uma resposta para essas e outras perguntas referentes à segurança.

Entre as diversas dicas para tornar a escola mais segura, essa é uma das que traz mais proteção. Contando com o controle de acesso, você terá a certeza de que somente pessoas autorizadas (alunos, professores e funcionários) terão acesso ao colégio e que seus filhos estarão protegidos.

4. Controle eletrônico na frequência escolar como garantia de aprovação do aluno

Existem diversos motivos pelos quais é necessário investir no controle de acesso nas escolas, entre eles, o fato de que a maioria das escolas exige, no mínimo, 75% de comparecimento nas aulas para que o aluno seja aprovado no final do curso. Isso é requisito obrigatório.

Portanto, ao escolher um colégio que ofereça esse benefício aos matriculados, os pais podem ter um controle maior sobre as faltas de seus filhos, regulando com maior precisão os dias que eles tiveram que faltar e sabendo que a aprovação da criança ou do adolescente é certa.

IKAcesso Escola – Conheça o software de controle de acesso para instituições de ensino!

5. Pontualidade nas aulas

Ensinar os filhos a serem pontuais é dever dos pais desde a pré-escola. Estar no horário certo (ou até 15 minutos antes) dentro da escola evita a interrupção das aulas, o desvio da atenção dos outros alunos e ensina a criança ou o adolescente a ter responsabilidade com os compromissos.

O controle eletrônico de frequência escolar permite que os pais verifiquem os horários em que as crianças entraram e soluciona eventuais problemas de pontualidade do aluno. Isso faz parte das regras e respeitar as normas da instituição de ensino é dever de cada estudante.

Essas são apenas algumas das vantagens do controle eletrônico de frequência escolar. Existem muitas outras e elas só acrescentam para o bem-estar do aluno e dos seus responsáveis.

Portanto, recomende o uso do sistema inteligente de catraca para o colégio do seu filho ou busque uma escola que ofereça esse benefício, afinal, tranquilidade e segurança não têm preço.

Se você tem algo que possa acrescentar a esse post, conta pra gente no espaço para comentários.

Saiba como aumentar a retenção de alunos nas escolas

Hoje em dia, uma grande preocupação dos gestores ou diretores de escolas particulares não é conseguir novas matrículas, mas, sim, aumentar a retenção de alunos nas escolas. Claro que novos alunos são sempre bem-vindos, mas de nada adianta ter um grande número de matrículas, se a evasão também for grande.

Além de fatores econômicos, como a crise financeira, muitos alunos deixam as escolas simplesmente pelo fato de encontrarem concorrentes com opções mais atraentes. No caso de escolas infantis, a atenção deve ser ainda maior, pois dois públicos com opiniões distintas devem ser trabalhados: os próprios alunos e os seus pais.

Baseado nisso tudo, separamos quatro dicas para aumentar a retenção de alunos na escola em que você gerencia. Confira!

Invista no monitoramento da frequência escolar

Uma das maiores preocupações dos pais é saber se seus filhos estão realmente frequentando as aulas. Para sanar essa preocupação, a escola pode investir em um sistema de monitoramento da frequência escolar.

Atualmente, existem programas em que os pais podem receber mensagens por SMS toda vez que o filho entrar e sair da escola, que exige que o aluno passe uma carteirinha ou coloque suas impressões digitais toda vez que passar pela portaria da instituição.

IKAcesso Escola – Conheça o software de controle de acesso para instituições de ensino!

Pratique marketing de relacionamento

Possuir boas instalações e professores altamente qualificados já não é suficiente para que os alunos permaneçam matriculados em uma escola. É necessário ir além e investir em marketing de relacionamento.

É preciso desenvolver táticas que podem ir desde eventos estratégicos até ações em ambientes virtuais, como nas mídias sociais, por exemplo. Para o desenvolvimento de tais ações, a escola pode ter seu próprio departamento de publicidade e relações públicas ou, então, terceirizar o serviço com uma agencia especializada.

Quanto mais engajado o aluno estiver com a instituição, menor será seu interesse em migrar para outra escola.

Disponha de profissionais especializados

Muitas vezes, um aluno tem notas baixas em uma determinada disciplina não apenas por desinteresse. Uma série de fatores podem desencadear as dificuldades acadêmicas. O aluno pode ter passado por algum problema emocional ou, até mesmo, ter algum problema de saúde, como o déficit de atenção.

É por isso que a escola precisa investir em acompanhamento profissional em áreas que vão além da educação apenas. Psicólogos, nutricionistas, fonoaudiólogos, médicos, entre outros profissionais podem fazer parte do quadro de funcionários da escola, com o intuito de acompanhar diversos fatores que possam influenciar a vida acadêmica dos alunos.

Esses profissionais são peças chave para os programas de orientação, que podem ser um grande diferencial para que um pai decida se seu filho permanecerá ou não em uma determinada escola.

Treine toda a equipe da escola

Além de todos esses diferenciais para aumentar a permanência de alunos, a comunicação deve sempre ser tratada como prioridade na escola. Toda a equipe, como professores, porteiros, serventes, cozinheiros, entre outros funcionários, deve estar preparada para responder questionamentos, ouvir reclamações ou sanar dúvidas dos pais.

Seguindo essas dicas e tendo uma relação com alunos e pais baseada na transparência, certamente, haverá um aumento na retenção de alunos em sua escola.

Se você gostou dessas informações e deseja receber mais dicas como essas, curta nossa página do facebook!

4 dicas para solucionar problemas de frequência escolar

Problemas com a frequência escolar sempre figuram como um dos maiores problemas na educação. De acordo com o Ministério da Educação, o número de crianças e de adolescentes que abandonam as aulas chega a impressionantes 3,2 milhões. Tanto a evasão, quanto a falta de periodicidade causam impactos diretos nestes números.

Existem muitos motivos para que um aluno deixe de ir à escola e é preciso entendê-los para conseguir obter soluções que realmente façam a diferença.

Quer saber como? Continue a leitura e confira!

1ª dica: detecte o problema

Antigamente, a maior causa da evasão escolar era a necessidade que o jovem tinha de trabalhar. De modo geral, o horário do expediente acabava afetando sua ida às aulas. Apesar de não ter desaparecido, esse problema reduziu bastante, graças a projetos como o jovem aprendiz ou mesmo os estágios que têm uma carga horária bem menor. Estas práticas possibilitam que ele concilie estudos com trabalho.

Entre os “novos” problemas que atingem o setor, está o desinteresse dos alunos, que precisam de motivações diferentes para retornarem aos estudos. Além disso, existem outros problemas como a dificuldade de acesso à escola, doenças crônicas, problemas familiares, mudanças de endereço, entre outros.

É preciso, portanto, verificar o que está acontecendo. Este é o primeiro passo para montar estratégias eficientes e solucionar os problemas de frequência escolar.

2ª dica: arranje uma solução para cada tipo de problema

Como os problemas são variados, é importante que cada solução seja voltada para um ponto específico. Para resolver estas questões, é preciso montar projetos que promovam o engajamento dos alunos e, principalmente, dos pais.

Por isso, é necessário investir em uma comunicação direta com estes responsáveis. O diálogo é fundamental para qualquer tentativa de solução. Apesar de, algumas vezes, os próprios pais serem os causadores do problema, na maior parte delas, eles nem sabem que os filhos não estão comparecendo e informá-los da situação é, também, um dever da escola.

3ª dica: invista em tecnologia para a frequência escolar

A tecnologia pode fazer toda a diferença para o processo pedagógico escolar. Atualmente, existem diversos equipamentos e vários programas que podem auxiliar na transformação da aula em um momento divertido e educativo.

Além disso, alguns aplicativos como o IKAcesso Escola, podem auxiliar no aumento da segurança, controlando a entrada e a saída de alunos, pais e colaboradores. Ele também identifica, em tempo real, a frequência do aluno.

Dessa forma, os pais podem ter acesso às informações sobre a localização de seus filhos. Os gestores ainda conseguem obter relatórios com dados que podem auxiliar no controle da evasão escolar.

Após detectar que um aluno está com problemas de frequência, o gestor pode falar com os pais e verificar o motivo de isso estar acontecendo. Caso essa medida não funcione, é possível entrar em contato com o Conselho Tutelar ou até com o Ministério Público, que pode exigir uma atitude diferente da família ou puni-los legalmente.

Lembrando, é claro, que esse é o último recurso, já que medidas em comum acordo entre pais e escolas costumam dar mais certo.

4ª dica:peça ajuda da comunidade para contatar os pais

Há, também, casos em que os pais não são encontrados ou não comparecem. Nessas situações, vale contar com o apoio da comunidade para ajudar a entrar em contato com eles.

Para isso, podem ser colocados cartazes informando essa necessidade e quem circular pela escola pode informar aos outros que ainda não compareceram.

O importante é resolver o problema, afinal, a frequência escolar é importante para uma melhor administração dos recursos financeiros e todos os alunos se beneficiam disso.

Confira nosso ebook que contêm informações especificas sobre a infrequência escolar

Você gostou das dicas? Ficou com alguma dúvida? Compartilhe suas opiniões nos comentários!

 

Frequência escolar: como saber se meu filho está indo às aulas?

A educação de crianças e de adolescentes é uma das principais preocupações de seus pais. No entanto, com a rotina corrida de trabalho dos adultos, acaba ficando difícil ter um controle da frequência escolar dos pequenos, que, por não terem uma fiscalização adequada, acabam matando aulas sem que seus responsáveis saibam.

Para o conforto e a segurança desses pais, hoje em dia, existem aplicativos e programas que permitem o controle de frequência dos seus filhos. Estas ferramentas enviam informações em termo real para que os pais saibam os horários de entrada e de saída da escola.

O controle de acesso em escolas é uma preocupação real, mas que pode ser contornada a partir da implementação de alguns procedimentos.

Da catraca para o celular

Para que sistemas de controle sejam implantados, é necessário que as escolas tenham catracas ou pontos biométricos para que os alunos possam passar suas carteirinhas ou colocar suas digitais.

Em seguida, com o auxílio de um programa, os pais recebem por SMS o horário que seus filhos passaram pelas catracas ou pelo ponto. Um exemplo de dispositivo que cumpre com essa função é o IKAcesso Escola.

Vantagens

Para os responsáveis

O IKAcesso Escola é um sistema completo que, além de fazer a integração com as catracas das escolas e enviar SMS para os pais avisando da entrada de seus filhos em tempo real, ainda permite que os responsáveis tenham acesso a um relatório com todas as informações recebidas no decorrer do mês usando apenas uma senha e um login.

Usar esse sistema, além de trazer mais tranquilidade aos pais, permite que eles possam ter um contato próximo com a vida escolar de seus filhos de uma maneira simples e instantânea, garantindo, assim, a segurança e a educação dos pequenos.

Para a escola

Além dos pais ficarem tranquilos em relação ao paradeiro de seus filhos, o IKAcesso Escola traz benefícios para a instituição de ensino. O monitoramento também pode ser utilizado para controlar a entrada e a saída de funcionários.

Assim, os responsáveis pela escola têm um controle unificado da movimentação de seus colaboradores e estudantes.

Todo o processo é automatizado e há a possibilidade multi usuário, ou seja, cada pessoa tem um acesso personalizado para que tenha contato apenas com as informações que o competem.

Além de controle, o IKAcesso Escola garante a segurança do local, uma vez que será registrado todos os horários e as permanências de alunos, dos funcionários e dos visitantes dentro da instituição.

Solução para pais e professores

O controle de frequência escolar é satisfatório tanto para os pais, que ficam tranquilos ao saberem do paradeiro de seus filhos, quanto em relação aos professores que, em vez de terem de fazer listas de chamadas para garantir que os alunos estejam estudando, podem utilizar esse tempo para passarem mais conhecimento e para se dedicarem mais às suas matérias, por exemplo.

Outro ponto positivo é que essas ferramentas fazem com que os estudantes não tenham motivação para faltarem, já que seus pais serão notificados em caso de faltas.

Para conhecer mais de nossos serviços e soluções em sistemas biométricos de acesso, curta a nossa página no Facebook!