Saiba como usar metas para aumentar a produtividade da sua empresa

Qualquer gestor, iniciante ou experiente, tem um desafio em seu trabalho: conseguir tirar o maior proveito de cada funcionário sem perdê-lo por exaustão. É necessário promover algumas mudanças no processo para poder aumentar a produtividade da empresa. E uma forma eficiente de conseguir esses resultados é estabelecendo metas para todos os colaboradores. 

Pode parecer algo muito simples, mas o estabelecimento de metas para um negócio ou setor é uma tarefa importante e exigente. E ainda existem outros erros comuns que precisam ser evitados. Por isso, são necessários gestores que se dediquem ao planejamento dos processos. Veja como esse tempo investido pode gerar grande retorno para seus negócios. 

Facilitar o acompanhamento do progresso 

Um efeito claro e imediato do planejamento para aumentar a produtividade é que o progresso de cada funcionário acontecerá passo a passo. Já é comprovado que a segmentação de tarefas ajuda a acelerar o processo em qualquer atividade, pois isso aumenta o sentimento de conclusão e de serviço bem-feito. Uma vez que o objetivo principal tenha sido dividido em metas menores, será possível estabelecer esse caminho e mostrar a todos o progresso que já foi feito. 

Outro elemento importante nesse método é a recompensa. Cada vez que sua equipe atingir algum desses objetivos menores, estabeleça uma recompensa menor, algo que não interfira na conclusão do trabalho e que, ao mesmo tempo, mantenha o ânimo de todos em alta. Assim, será possível manter o mesmo ritmo durante a maior parte do projeto. 

Criar tarefas realistas e consistentes 

Algo que frequentemente impede um grupo de aumentar a produtividade é a falta de bom senso na hora de estabelecer suas metas. Triplicar o número de vendas em menos de um ano sem verificar se há mercado ou mão de obra para isso apenas leva à frustração e à perda de investimentos. Se, por outro lado, o planejamento de metas for feito corretamente e todos concordarem que estas são plausíveis, será muito mais fácil esperar o engajamento da equipe. Nessas horas, é bom utilizar um sistema de gestão integrado, que possa auxiliar o gestor a traçar tarefas realistas e a delegar essas atividades de forma consistente, facilitando a comunicação entre todos os membros do time. 

Estabelecer prioridades com maior facilidade 

Uma vez que o objetivo seja estabelecido e todas as tarefas estejam listadas, será possível determinar quais atividades podem ser produzidas em paralelo, quais possuem alguma dependência entre si e quais podem ser classificadas como excedentes. Isso ajuda muito a aumentar a produtividade, pois facilita a distribuição de ações para o time e, consequentemente, sua conclusão.  

A falta de prioridades pode ser desastrosa em projetos que sofram com a pressão do tempo. Se for perdido muito tempo com elementos pouco úteis do processo, não sobrará horário para o essencial. Além disso, será ainda mais difícil apagar possíveis incêndios, que já devem estar previstos dentro do planejamento inicial. 

Flexibilizar o processo sem perder o objetivo  

Aumentar a produtividade não é apenas seguir um plano com mais rapidez, mas também ser capaz de mudá-lo quando necessário. Se o estabelecimento de metas for bem-feito, não será necessário exigir trabalho extra de todos os funcionários caso ocorra alguma emergência. Em média, um planejamento costuma desviar de 50 a 60% de sua projeção de tempo inicial. Isso significa que 10 meses podem ser qualquer coisa entre 4 e 16 meses. Mas, com metas estabelecidas, é possível flexibilizar esse planejamento para que, mais tarde, haja uma projeção mais precisa da duração do projeto. 

Ficou com alguma dúvida sobre nossas dicas? Conhece outros benefícios do estabelecimento de metas para aumentar a produtividade dos seus negócios? Deixe seu comentário com sua opinião logo abaixo. 

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"