Hidrômetros individuais trazem benefícios ao condomínio?

Controlar a conta de água sempre foi uma parte importante de qualquer economia doméstica. Evitar desperdício é bom para o meio ambiente, assim como para o orçamento familiar. Porém, quando se fala em condomínios, esse sempre foi um ponto delicado, pois o hidrômetro, aparelho que mede a quantidade de água consumida, considera todo o edifício como uma coisa só.  

Para evitar problemas decorrentes disso, muito locais passaram a adotar hidrômetros individuais para cada apartamento. Essa nova prática tem trazido muito benefícios para todos os condomínios.  

Para mostrar isso, trouxemos quatro exemplos de vantagens que essa instalação pode oferecer. Acompanhe:

1. Estar dentro da lei

Em julho de 2016, foi aprovada uma lei determinando que todos os condomínios novos devem possuir hidrômetros individuais para cada apartamento. A proposta fez uma alteração na Lei 11.445, de 2007, que fala sobre o saneamento básico.  

Com ela, todos os condomínios construídos a partir de então devem atender as novas leis de saneamento, incluindo a medição individual do consumo de água por residência. A regulamentação só se torna absoluta 5 anos após sua publicação e não afeta condomínios já construídos, já que nem sempre é possível instalar um novo sistema de medição.

2. Evitar conflitos entre os moradores

Um dos principais problemas resolvidos pela aplicação dos hidrômetros individuais é o conflito entre moradores. No modelo compartilhado, a conta de água do condomínio inteiro é dividida entre todos os condôminos, o que significa que, mesmo com um consumo baixo de água, ainda é possível obter uma conta muito alta se outro vizinho consome bastante.

De forma geral, é considerado mais justo que cada um pague apenas pelo que consome. Além disso, não haverá problemas envolvendo excessos na conta de água nem acusações durante as reuniões de moradores.

3. Redução do consumo de água

Como os hidrômetros individuais fazem com que a conta passe totalmente para quem consome, isso também é um estímulo para reduzir o custo. A maioria das pessoas que consome água a mais no condomínio não está agindo de má-fé. Apenas não se dá conta do tamanho do custo que está gerando para seus vizinhos.  

Em outras palavras, elas passarão a notar o que realmente consomem e vão se policiar para que o gasto de água não seja tão alto. Isso reduz o consumo total de forma geral da mesma forma que reduz o custo financeiro.

4. Problemas nos hidrômetros individuais não se espalham

Uma questão importante é que um hidrômetro com problema em um condomínio significa estresse para todos os moradores. Ele pode medir um volume muito acima do real, aumentando o custo, assim como pode estar adulterado, levando a uma multa para todos os condôminos.  

Com apenas um hidrômetro por moradia, não haverá uma suspeita generalizada e a medição irregular pode ser mais facilmente detectada.  

Agora que você entende os benefícios dos hidrômetros individuais, além de sua obrigatoriedade, é uma boa hora para pensar em instalá-los em seu condomínio. Se quer saber como evitar muitos gastos nesse processo, veja nosso outro artigo sobre como economizar na sua reforma.

 

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"