Como Economizar com Troca de Equipamento

Estamos na era da tecnologia e, se queremos nos manter competitivos no mercado, precisamos acompanhar as mudanças e inovações digitais de perto. Portanto, fazer a troca de equipamento por um mais novo e moderno é uma ótima escolha para o desempenho de sua empresa.

Talvez você acredite que os gastos com tecnologia sejam elevados e até mesmo desnecessários. Afinal de contas, o equipamento que está em uso na empresa ainda está funcionando. O problema é que, provavelmente, ele está dando mais gastos que o normal com manutenções e trocas de peças que já estão desgastadas e não funcionam mais.

Um problema no controle de ponto dos funcionários pode se tornar um grande contratempo para a empresa, não só pela dificuldade em gerir os processos, mas pelos custos que isso pode acarretar. Por exemplo, fica mais difícil saber se um funcionário chegou muito tempo depois ou se tem alguém que saiu 1 hora após o expediente, podendo vir a cobrar hora extra.

Como identificar a hora de trocar?

É normal que um aparelho eletrônico dê defeito uma vez ou outra, digamos, bem raramente, mas se isso está acontecendo com certeza frequência, talvez seja o momento de utilizar um modelo novo. Além disso, existem algumas peças que, inevitavelmente se desgastam com o passar do tempo. Por exemplo, teclados de borracha podem ficar inutilizáveis e precisam ser trocados com maior frequência.

Não é apenas por um defeito no equipamento que ele precisa ser trocado. Pode ser que ele não atenda mais às necessidades do seu negócio, ou seja, o seu empreendimento cresceu e precisa agora de um novo suporte tecnológico que sustente essa expansão.

Por exemplo, você já sente a necessidade de contratar mais 30 funcionários, porém, o seu relógio de ponto não irá sustentar essa quantidade extra de colaboradores. Usar formas de acesso diversas para eles não é uma boa opção, especialmente se quiser ter o controle da movimentação dentro do estabelecimento de uma forma mais fácil e sem complicações.

Quais recursos devo levar em conta na troca de equipamento?

É claro que você não deseja, simplesmente, trocar seis por meia-dúzia não é mesmo? Então, precisa primeiro conhecer os recursos que esse novo equipamento pode te oferecer. O primeiro ponto é verificar se o equipamento possui o selo do Inmetro, isso oferece maior segurança no momento da compra.

Opte por um equipamento que te ofereça maior flexibilidade. Por exemplo, a marcação dos colaboradores pode ser por código de barras, teclado touch screen ou então por biometria. O ideal é que os comandos sejam intuitivos, até mesmo para facilitar a configuração do programa. Ele deve ter uma grande capacidade de oferecer relatórios completos e também de emitir comprovantes.

Suportar uma grande quantidade de cadastros de funcionários também é uma vantagem que deve ser analisada no momento da escolha. E, acima de qualquer coisa, no momento de fazer a troca do equipamento, tenha a certeza de que ele oferece total segurança dos dados.

REP

Além de fazer a troca de equipamento, há outras formas de economizar no seu negócio, reduzindo os custos e aumentando as receitas. Quer descobrir quais são? Então baixe o nosso ebook!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"