Afinal, o que é biometria?

Com certeza, você já ouviu falar na biometria como um dos métodos mais seguros de identificação de pessoas, não é verdade? O mecanismo já é adotado por diversos estabelecimentos que necessitam cada vez mais de precisão no reconhecimento dos indivíduos, como agências bancárias, autoescolas, academias, bem como as empresas que pretendam estabelecer o controle de ponto eficiente de seus funcionários.  Leia o post a seguir e saiba mais sobre o tema.

O que é biometria?

A biometria é um estudo das características biológicas e comportamentais de cada pessoa, onde o corpo funciona como uma senha. Trata-se de uma medição conforme sugere a palavra: bio (vida) + metria (medida).

Cada pessoa é única e apresenta características singulares e, por essa razão, o sistema biométrico é utilizado para o reconhecimento de indivíduos, acesso a lugares restritos ou a dados e aparelhos, e até mesmo para identificação criminal, de forma segura e eficiente. Contudo, nos dias atuais, esses sistemas são utilizados rotineiramente, principalmente por grandes empresas.

Como funciona?

O processo de identificação de um sistema biométrico é relativamente simples e tem como principais componentes a captura, a extração e a comparação de imagens. No entanto, para que o sistema funcione corretamente é necessário o auxílio de algumas ferramentas, como um computador, um scanner ou sensor para captar as imagens nítidas e em alta resolução e um software capaz de analisar as imagens captadas e comparar com as informações contidas nas bases de dados para, então, indentificar a pessoa.

Conheça os diferentes tipos de biometria física

Existem alguns sistemas de leitura biométrica disponíveis, uns mais eficientes outros menos, mas cada um consegue detectar características físicas únicas de cada pessoa que servem como senhas para controle de acesso ou reconhecimento de indivíduos. Veja os exemplos a seguir.

Impressão digital – esse é um dos sistemas de identificação biométrica mais comuns, o leitor capta as linhas da impressão digital e compara com a informação no banco de dados.

Retina – a retina é uma característica imutável, e esse sistema costuma ser utilizado em sistemas de alta segurança, já que analisa a formação dos vasos sanguíneos no fundo dos olhos que estão relacionados com os sinais vitais de uma pessoa.

Geometria da mão – é um método bastante utilizado, principalmente devido a sua agilidade, para analise  da estrutura, tamanho e posição da palma da mão da pessoa, portanto, um meio menos seguro e eficaz que a impressão digital.

Reconhecimento de voz – por não se tratar de uma característica física imutável, afinal, as pessoas passam por alterações na estrutura oral, esse mecanismo pode ser falho. A analise leva em conta a gravidade, sonoridade e sinais agudos da voz.

Identificação facial – nesse caso, a identificação ocorre através da leitura dos traços do rosto do indivíduo. Devido ao seu alto custo e baixa confiabilidade, é um dos recursos menos utilizados.

E você, esclareceu suas curiosidades sobre o que é a biometria? Conhece algum outro tipo de biometria física interessante para compartilhar com a gente? Então, participe! Deixe seu comentário.

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"