3 dicas de contabilidade para restaurantes

Fazer a contabilidade para restaurantes parece complicado para você? Pois saiba que há muitos pontos positivos em aprender, ao menos um pouco, sobre esse assunto. Com esse conhecimento, você conseguirá fazer uma gestão financeira melhor do seu empreendimento, controlando melhor os gastos e investimentos, por exemplo.

Uma forma de melhorar essa resistência aos números e siglas da contabilidade é encarando esse conhecimento como fundamental para ter mais lucros e fazer o seu restaurante ser um verdadeiro sucesso. Além disso, saber mais sobre o assunto pode significar pagar uma menor carga tributária.

Agora que você já sabe das vantagens em fazer a contabilidade para o seu empreendimento, que tal aprender conosco algumas dicas e começar a botar a mão na massa? Confira o post!

Contabilidade para restaurantes: como fazer?

1. Calcule os custos de alimento e mão de obra

A forma de fazer esse cálculo vai depender do seu tipo de restaurante. Por exemplo, o tipo à la carte costuma gastar mais com comida do que um local com pratos prontos no cardápio ou a quilo. Anote tudo o que comprar dos fornecedores, tudo o que vende e quanto há de desperdício.

Quanto à mão de obra, também vai depender do regime de contratação. Há restaurantes que pagam por hora, outros que pagam por dia de trabalho, dentre outras formas. Você só saberá quanto gasta com a folha de pagamento se tiver tudo isso documentado. Normalmente, o custo com funcionários e outros encargos representa 25% de todo o gasto semanal com essa área.

2. Fique atento aos custos básicos

Você quer que o seu restaurante cresça e dê muitos lucros, não é? Então, o ideal é que o custo com mão de obra e alimento fique em torno de 60 a 65%. Os gastos com esses dois itens é uma linha bastante tênue, e por isso precisa de muito controle para mantê-los dentro dessa margem.

O custo com comida e mão de obra deve estar sempre em equilíbrio: se um estiver muito elevado, o outro precisa estar num percentual mais baixo.

3. Tenha um livro caixa

Anote tudo! Esse é o grande segredo de uma contabilidade exemplar e boa gestão financeira. Ter um livro-caixa é essencial para qualquer estabelecimento. Afinal de contas, é nele que você colocará todas as entradas e saídas do seu negócio.

Tenha todo o gasto com fornecedores, serviços de entrega, pagamentos de contas e todas as outras entradas diárias devidamente registrado. Monitore o livro semana e mensalmente para observar se os percentuais estão dentro do desejado. Não despreze nenhum tipo de gasto, nem mesmo os menores, que parecem sem importância.

Devo contratar um escritório de contabilidade?

Se você pode pagar por um profissional, então essa é a melhor opção. Assim, você pode direcionar tempo e esforço em tarefas mais empreendedoras e focar, integralmente, no crescimento do seu negócio. Mas como escolher?

Busque por referências! Perguntar a amigos que já contratam esses serviços é a melhor opção. É importante também que seja alguém da m cidade já que os tributos e legislações mudam de um lugar para o outro.

Gostou dessas dicas sobre contabilidade para restaurantes? Então receba mais outras como essas seguindo nossa página no Facebook.

 

 

1 Comentários

  1. Parabéns pelo artigo!
    Auxiliou muito na gestão do meu negócio!
    Ficou muito bom !

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"